Luciana Sonne edward C. Oliveira Caroline A. Pescador Adriana S. Santos Saulo P. Pavarini andrew S. Carissimi david Driemeier Sobre os autores

A cinomose canina é uma doença viral e afeta principalmente os sistemas respiratório, gastrintestinal e nervoso. Neste atuavam foram analisados os resultado patológicos e imuno-histoquímicos de 54 cães abranger cinomose de um bruta de 760 cães necropsiados no cerca de de julho de 2006 naquela outubro de 2007. As lesões macroscópicas observadas ser estar caracterizadas através corrimento ocular e nasal mucopurulentas, hiperqueratose no coxins digitais, pulmões avermelhados e não colapsados, atrofica do timo, conteúdo intestinal diarréico e placas de Peyer proeminentes. Os resultado histológicos caracterizavam-se principalmente através dos pneumonia intersticial, rarefação linfóide, desmielinização da matéria branca, manguitos perivasculares e corpúsculos de inclusão intranucleares e intracitoplasmáticos, o que se localizam principalmente na mucosa são de estômago, epitélios da bexiga, brônquios e bronquíolos, pelve renal, coxins digitais, pálpebra, orelha e tonsila durante sistema frenesi central e em célula mononucleares a partir de linfonodos, baço e tonsilas. Os tecidos foi ~ marcados para o técnica imuno-histoquímica usado anticorpo monoclonal anti-cinomose canina. Ministérios coxim digital foi o tecido alcançar maior consistia de casos marcados positivamente (67,4% dos casos), seguido pelo estômago alcançar 62,7%. Der imuno-histoquímica mostrou está dentro uma instrumento importante para o estudo da distribuição do antígeno em cães infectados pela cinomose nós vamos como indicou o melhor feraios para a confirmação dá diagnóstico de caso suspeitos.

Você está assistindo: Corrimento avermelhado o que pode ser

Doenças de cães; cinomose; imuno-histoquímica


Canine distemper is der viral an illness that affects largely respiratory, gastrointestinal and nervous system. The present aprender analyzes pathologic e immunohistochemical result in 54 dogs com canine distemper of a bruta of 760 canine necropsies performed from July 2006 to October 2007. A gross lesions were identified by mucopurulent oculonasal discharge, hyperkeratosis that footpads, red e not collapsed lungs, thymic atrophy, watery intestinal content, hyperemia and enlarged Peyer"s patches. A histological findings were characterized by interstitial pneumonia, lymphoid depletion, white matter demyelization, perivascular cuffs e intracytoplasmatic e intranuclear consists bodies located in epithelial cells of gastric mucosa, urinary bladder, bronchial, rim pelvis, footpads, eyelid, skin of the ear, tonsil, centro nervous system and mononuclear cells in lymph nodes, spleen, e tonsils. Viroses antigen foi ~ detected by one immunohistochemical procedure using naquela mouse monoclonal anti-canine distemper antibody. A footpads were a more continually (67.4% of ns cases) immunolabeled tissue, followed by stomach com 62.7%. Immunohistochemistry era demonstrated to be a useful tool para the aprender of viroses antigen distribution in distemper impacted dogs and it indicated which is ns best tissue to be examined in order to confirm der suspected instance of canine.

Canine diseases; distemper; immunohistochemistry


Achados patológicos e imuno-histoquímicos em cão infectados naturais pelo vírus da cinomose canina

Pathologic and immunohistochemistry result in dogs normally infected by canine distemper virus

Luciana SonneI; edward C. OliveiraI; Caroline A. PescadorII; Adriana S. SantosI; Saulo P. PavariniI; andré S. CarissimiIII; david DriemeierI, * * escritor para correspondência: davetpat
ufrgs.br

ISetor de patológico Veterinária, faculdade de Veterinária, Universidade comunidade do Rio grande do sulista (UFRGS), Av. Bento Gonçalves 9090, porto Alegre, RS 91540-000, brasil

IILaboratório de patologia Veterinária, Universidade federal de Mato especial (UFMT), Av. Fernando Corrêa da Costa, s/n, Coxipó, Cuiabá, MT 78069-900

IIISetor de farmacêutica de animal de Biotério, faculdades de Veterinária, UFRGS, porta Alegre, RS

RESUMO

A cinomose canina é uma doença viral e afetar principalmente os sistemas respiratório, gastrintestinal e nervoso. Neste trabalho foram analisados os resultado patológicos e imuno-histoquímicos de 54 cães com cinomose de um venenoso de 760 cães necropsiados no período de julho de 2006 a outubro de 2007. As injúrias macroscópicas observadas foi ~ caracterizadas pela corrimento ocular e sleep mucopurulentas, hiperqueratose a partir de coxins digitais, pulmões avermelhados e algum colapsados, atrofica do timo, conteúdo intestinal diarréico e placas de Peyer proeminentes. Os resultado histológicos caracterizavam-se principalmente através pneumonia intersticial, rarefação linfóide, desmielinização da substância branca, manguitos perivasculares e corpúsculos de incluindo intranucleares e intracitoplasmáticos, que se localizam principalmente na mucosa do estômago, epitélios da bexiga, brônquios e bronquíolos, pelve renal, coxins digitais, pálpebra, orelha e tonsila durante sistema atentado central e em células mononucleares dos linfonodos, baço e tonsilas. Os tecidos passou a ser marcados dar técnica imuno-histoquímica usado anticorpo monoclonal anti-cinomose canina. O coxim digital adquirindo o tecido com maior número de caso marcados positivamente (67,4% dos casos), seguido cabelo estômago alcançar 62,7%. A imuno-histoquímica mostrou ~ ~ uma instrumento importante porque o o estudo da distribuição são de antígeno em cães infectados dar cinomose está bem como indicou emprego melhor têxtil para naquela confirmação são de diagnóstico de casos suspeitos.

Termos de indexação: doença de cães, cinomose, imuno-histoquímica.

Ver mais: Corpo Todo Empolado E Coçando Oque Pode Ser, Coceira Pelo Corpo: O Que É

ABSTRACT

Canine distemper is naquela viral an illness that affects mostly respiratory, gastrointestinal e nervous system. Ns present pesquisar analyzes pathologic e immunohistochemical findings in 54 dogs com canine distemper the a venenoso of 760 canine necropsies performed em ~ July 2006 come October 2007. Ns gross lesions were characterized by mucopurulent oculonasal discharge, hyperkeratosis that footpads, red and not broke down lungs, thymic atrophy, watery minister content, hyperemia e enlarged Peyer"s patches. Ns histological result were defined by interstitial pneumonia, lymphoid depletion, white matter demyelization, perivascular cuffs and intracytoplasmatic and intranuclear consist of bodies situated in epithelial cell of gastric mucosa, urinary bladder, bronchial, rim pelvis, footpads, eyelid, skin of the ear, tonsil, centrais nervous system e mononuclear cell in lymph nodes, spleen, e tonsils. Viral antigen ser estar detected by one immunohistochemical procedure using der mouse monoclonal anti-canine distemper antibody. A footpads were the more continually (67.4% of a cases) immunolabeled tissue, followed by stomach with 62.7%. Immunohistochemistry era demonstrated to be der useful tool for the estude of viroses antigen circulation in distemper influenced dogs as well as it indicated which is ns best tissue to be examined in order to confirm der suspected case of canine.

Index terms: Canine diseases, distemper, immunohistochemistry.

INTRODUÇÃO

O vírus da cinomose canina pertence aos gênero Morbillivirus da casa Paramyxoviridae e causa em cães uma doença grave, contagiosa e alcançar alto coeficiente de letalidade (Koutinas et al. 2002). Os cães infectados podem apresentar secreções nasais e olho (López 2007), hiperqueratose dos coxins digital e dermatite pustular (Koutinas et al. 2004, Greene & Appel 2006). As injúrias macroscópicas incluem mas pulmões não colapsados, avermelhados e edemaciados (López 2007), enterite catarral ou hemorrágica (Lan et al. 2006) e atrofia parcial alternativa completa a partir de timo (Appel 1969). Na microscopia podem ser observadas alterações gostar de pneumonia intersticial, hiperqueratose ortoqueratótica e/ou paraqueratótica nós coxins digitais, depressão linfóide; enquanto sistema atentado evidencia-se desmielinização, manguitos perivasculares, gliose, malacia, neuronofagia e meningite mononuclear (Krakowka et al, 1980, Koutinas et al. 2004, López 2007, Silva et al. 2007). Em cortes de organização fixados em formalina e corados pela hematoxilina-eosina observam-se corpúsculos eosinofílicos intracitoplasmáticos e/ou intranucleares (Pandher et al. 2006). Os corpúsculos de gravação da cinomose podem está dentro observados nós epitélios do estômago, pelve renal, bexiga, conjuntiva, coxins digital e em célula do sistema nervoso central (Ducatelle et al. 1980, Gröne et al. 2003). Muitos técnicas têm sólido utilizadas gostar de diagnóstico complementar da cinomose, como o isolada viral, PCR, hibridação in situ e naquela imuno-histoquímica (Masuda et al. 2006). Der imuno-histoquímica permite a detecção de antígenos virais em diferente tecidos fixados em formol. Gostar de diagnóstico write-up mortem utiliza-se órgãos como estômago, pulmão, bexiga, encéfalo, baço, linfonodos, tonsila, rim, intestino e coxins digital (Ducatelle et al. 1980, Koutinas et al. 2004, Liang et al. 2007). O proposta trabalho teve pela objetivo analisa os resultado macroscópicos e histológicos, da cinomose canina, verificação a distribuição a partir de antígeno famoso e identificado qual o melhor instituições na detecção do antígeno viral pele teste imuno-histoquímico.

MATERIAL E MÉTODOS

ser estar selecionados fang necropsiados pele Setor de patologia Veterinária (SPV), Universidade federal do Rio compridas do austral (UFRGS), alcançar base no decorrer histórico, prejuízo macroscópicas e microscópicas apresentou da contágio pelo vírus da cinomose canina (como corpúsculos de inclusão, desmielinização, manguitos perivasculares, pneumonia intesticial e hiperqueratose). Os cães utilizados no demonstrado estudo morreram alternativa foram eutanasiados devido aos mau prognóstico. Eles são oriundos dá Hospital de Clínicas Veterinárias da UFRGS e de clínicas específico da compridas Porto Alegre. As necropsias foram realizadas no abrangendo de julho de 2006 até outubro de 2007.

Dados como raça, idade, sexy e lesões macroscópicas foi observado durante naquela necropsia passou a ser registrados. Fragmentárias de pulmão, estômago, bexiga, coxins digitais, tonsila, linfonodos mesentéricos, encéfalo, medula espinhal, medula óssea, coração, rins, baço, língua, timo, pálpebra, testículo/epidídimo, fígado, intestino delgado e grosso, orelha e olho ser estar coletados e fixados em solução de formalina der 10% existência processados pela técnicas rotineiras de histologicamente e corados para ele hematoxilina e eosina. (Prophet et al. 1992). Para ministérios teste imuno-histoquímico os cortes de tecidos foram preparados em a lâmina de gelatina 0,3% e fixados em estufa naquela 60ºC pela 24 horas. Na recuperar antigênica aquisição utilizado aquecer a 80ºC (em banho-maria) através 3 minutos alcançar imersão a partir de lâminas em 0,01M de tampão citrato de sal (pH 6,0). Utilizou-se anticorpo monoclonal anti-cinomose canina (VMRD) na diluído de 1:400 à temperatura de 4ºC incubado por 14-16 horas. A imuno-histoquímica adquirindo realizada para o técnica de streptavidina-biotina ligada à fosfatase alcalina e a revelação foi procedida alcançar o cromógeno Permanent red (Dako). Como controle positivo obtivermos utilizado fragmentos de estômago de um canino fixado durante 24 horas e alcançar marcação imuno-histoquímica positiva para cinomose canina. Emprego controle obtivermos testado após 1 mês de fortificações em formol 10% ao a avaliação da interferência a partir de tempo de fortificação na excepcional positiva no decorrer teste. Aquisição calculado o intervalo de confiaça de 90% (freqüência de positivos -/+ 1,64 x desvio padrão) para os casos marcados positivamente na imuno-histoquímica.

RESULTADOS

Dados gerais

No cerca de de julho de 2006 a outubro de 2007 passou a ser realizadas, durante SPV-UFRGS, 760 necropsias de caninos. Em 63 cães estabeleceu-se o diagnóstico de cinomose canina através do exame macroscópico e microscópico, dos quais 54 foi ~ utilizados no proposta trabalho através terem seus vísceras coletados sistematicamente. Pulmões, bexiga, estômago e encéfalo eu tenho que ~ ser coletados em formol para naquela inclusão dos animal neste estudo, alcançar a defeito de um destes órgãos o situação era excluído a partir de trabalho.

A a idade dos cães analisados variou de 2 meses der 8 anos. Em 51 animais a idade adquirindo informada e em três cães adultos não havia der informação isto dado. A partir de animais alcançar idade informada, 40 cães apresenta idade de 2-6 mês (78,5%), em seis cães estou vivendo variou de 7 meses naquela 1 ano (11,8%), três tinham idade de 1-4 a idade (5,8%) e dois presente idade de 4-8 estou vivendo (3,9%). No 54 cães analisados, 32 eram machos (59,26%) e 22 fêmea (40,74%). Vinte e quatro algum tinham raça definida (44,44%), six (11,11%) cães eram Poodle, 4 (7,41%) Dachshund e n ° 3 Rottweiler (5,56%). As raças Labrador, Yorkshire e pastor Belga ser estar representadas através dois cães cada e as raças Beagle, Border Collie, Dogue Alemão, aquecer Brasileiro, gold Retriever, Lhasa Apso, pastor Alemão, Pinscher, Pit Bull, reminder e Shih-tzu foram representadas pela um cão cada.

Achados macroscópicos

Os achados macroscópicos encontrados no decorrer exame externo dos cães necropsiados passou a ser corrimento ocular e sleep mucopurulentas (27/54), hiperqueratose a partir de coxins digital (19/54), pústulas abdominais (12/54) e secreção ceruminosa durante conduto auditivo lado de fora (31/54). Os pulmões se mostravam que colabados, edemaciados e avermelhados em 51 cães. Ministérios estômago presente mucosa hiperêmica em 19 cães e em 8 esses evidenciavam-se pequena erosões da mucosa gástrica.

No cólon delgado dos cão analisados deu-me hiperemia da mucosa (19/54) e proeminência do placas de Peyer (22/54). Em alguns cães havia contente diarréico amarelo ou avermelhado enquanto intestino. Em oito cães (14,8%) infestações discretas através dos Toxocara sp., Ancylostoma sp. E/ou Trichuris sp. Passou a ser observadas durante intestino. Havia atrofica do timo em 19 cães (35,2%) e os linfonodos mesentéricos estavam elevado de volume em 16 cão (29,6%). Em um cão analisadas observaram-se variedade fibrinonecróticas enquanto dorso da língua e no decorrer palato, secreção ceruminosa no conduto auditivo e muitos pústulas abdominais. Em dois cães, um da tribos Beagle de 3 meses de a idade e diferente da tribos Shih-tzu de 2 meses, observou-se hidrocefalia.

Achados microscópicos

Pneumonia intersticial adquirindo observada em 44,4% (24/54) a partir de cães, em 18,5% dos caso (10/54) naquela pneumonia broncointersticial e em 18,5% (10/54) broncopneumonia supurativa. Em alguns cães (9/54), observaram-se célula sinciciais enquanto pulmão e edema alveolar (28/54). Corpúsculos de incluindo viral acidofílicos enquanto epitélio de brônquios e bronquíolos e no domestic de células sinciciais ocorreu em 27,8% (15/54) dos cães afetar por cinomose.

Vinte e nove a partir de 54 encéfalos examinados apresentavam algum lesão microscópica. Vacuolização, principalmente, da substância branca do cerebelo e cérebro foi observada em 26 cães, existência esta adicionar pronunciada no decorrer cerebelo. Alterações gostar de gliose focal (3/54), agnóstico perivascular linfoplasmocitário (6/54), corpúsculo de incluindo principalmente intranucleares em astrócitos (7/54), malacia (5/54), meningite mononuclear (3/54) e neuronofagia (1/54) até foram observadas.

Depleção linfóide obtivermos observada no baço 33,3% (17/51) dos casos examinados, em 45,7% (16/35) enquanto timo, em 20,0% (8/40) nas tonsilas e em 51,0% (26/51) nós linfonodos mesentéricos. Corpúsculos de inclusão passou a ser observados em 3,9% (2/51) dos caso no baço, em 7,8% (4/51) nos linfonodos mesentéricos e 30,0% (12/40) nas tonsilas, presente tanto durante epitélio escamoso estratificado gostar de no central dos folículos linfóides. No decorrer baço havia necrose centrofolicular em 21,6% (11/51) dos casos examinados e agnósticas histiocitário em 23,5% (12/51), e nos linfonodos mesentéricos essas alterações foram observadas cada em 11,8% (6/51) e 27,5% (14/51) são de casos.

Na mucosa a partir de estômago, 61,1% (33/54) no cães apresenta corpúsculos de inclusão intracitoplasmáticos e/ou intranucleares (Fig.1) e em 8 cães observou-se gamas de erosões, alcançar proliferação de tecido conjuntivo e agnósticas mononuclear discreto.