Brazilian diário of Nephrology (Jornal brasileiro de Nefrologia) is an open access diário with 40 year of existence e indexing in Scopus, PUBMED Central, Medline and SciELO. Published by a Brazilian society of Nephrology, it has actually its materials peer reviewed e published in Portuguese and English in the online version.

Você está assistindo: Doenças do sistema nervoso central e periferico

ISSN-L 0101-2800ISSN (Online) 2175-8239
*
Brazilian journal of Nephrology (Jornal brasileiros de Nefrologia) is an open access diário with 40 years of existence e indexing in Scopus, PUBMED Central, Medline e SciELO. Released by ns Brazilian sociedade of Nephrology, it has its contents peer reviewed e published in Portuguese e English in the conectados version.
select section Author´s ResponseBrief CommunicationCase ReportClinical GuidelinesClinical ProtocolClinical TrialClinicopathological CaseConference ProceedingsCOVID-19EditorialErratumForum in NephologyFull PDFImages in NephrologyLetter to a EditorMessage são de the EditorNephrologic Consultation in 10 MinutesOriginal ArticlePerspectives/OpinionPre-Memoryrapid-communicationRecommendationsReply come LetterReview ArticleReviewersSection LessSpecial ArticleSumaries CollectedUpdate post
Year/Volume 2021; v.43 2020; v.42 2019; v.41 2018; v.40 2017; v.39 2016; v.38 2015; v.37 2014; v.36 2013; v.35 2012; v.34 2011; v.33 2010; v.32 2009; v.31 2008; v.30 2007; v.29 2006; v.28 2005; v.27 2004; v.26 2003; v.25 2002; v.24 2001; v.23 2000; v.22 1999; v.21 1998; v.20 1996; v.18 1990; v.12
*

instruir ClínicasDistúrbios do sistema indignação central e periférico

Rosilene Motta Elias

“Todo o paciente com DRC deve ser avaliado à procura de patológico neurológicas”. (Evid. V recom D)

Pacientes abranger DRC, quando comparados alcançar a populaçao geral, apresentam maior prevalência de algumas patologias neurológicas.

As patologias neurológicas podem estar de personagem central gostar encefalopatia, desordens do sono e tremores; ou periférico como polineuropatia periférica, disfunçao autonômica, além de mononeuropatia periférica.

Devido à maior morbidade tal patologias na DRC seu avaliação e rápido tratamento previnem complicaçoes entre estes pacientes.

Encefalopatia urêmica

É uma síndrome aguda alternativa subaguda que acontecer em pacientes alcançar DRC – estágio 5. Os paciente podem introduzir déficits de memória, fala, desordens de emoçao, consciência e percepçao. Isto sintomas nao sao específico de uremia e tem que ser diferenciados de outros perturbação orgânicos e desequilíbrios eletrolíticos. Uma peculiaridade clínica marcante denominada a variaçao são de sintomas encontro a data e hora naquela hora. O início pode atravessar desapercebido alcançar sintomas fácil e inespecíficos gostar fadiga, apatia, piora da concentraçao e atençao.1,2

Algumas toxinas podem está dentro implicadas na patogênese da encefalopatia. Esses incluem: (a) compostos solúveis como uréia e creatinina; (b) moléculas médias; e (c) ligação ligados à proteína. Outros compostos gostar a guanidina têm sólido implicados, além dos produtos final de glicosilaçao avançada (AGEs)2.

Neuropatia Periférica

Está demonstrado em até ~ 70% dos pacientes encaminhados naquela diálise e inexplicavelmente é não é normal em crianças. Em estágio iniciais der prevalência da neuropatia denominada ignorada. O curso de evoluçao denominações variável em progressao e severidade. A neuropatia urêmica clássica é distal, sensitiva e motor e predominantemente axonal. Os sintomas sao descritos como sensaçao de queimaçao dentro pernas. A clínica é adicionando evidente no decorrer estágio 5. Ao exame física podemos observar atrofica muscular, derrota de reflexos tendíneos, deficiência ou defeito de atençao, perda de capacidade sensitiva gostar a vibratória. Mononeuropatia isolada é menos comum, a nao está dentro pela síndrome a partir de túnel do carpo. Isso é síndrome pode acontecer em paciente em curar conservador de DRC e nao sao exclusivas de paciente em hemodiálise1. Ministérios PTH ele pode fazer estar dedicado na gênese da neuropatia periférico na DRC2. Apesar da piora da doação de vida, ainda nao havido nenhum itens na porta que confirme o pior prognóstico a partir de pacientes renais crônicos que desenvolvem neuropatias.1

Exame complementar para Neuropatia em DRC é importante para diagnóstico, du nao se correlacionar diretamente alcançar o grau de perda de funçao renal, nao ser útil para monitorizar progressao da doença renal. Os paciente sintomáticos parecem ter alteraçoes adicionar evidentes nos exames3,4.

Eletroneuromiografia: Os estudos mostram uma diminuiçao da velocidade de conduçao nervosa (VCN) para valores abaixo do usual em pacientes alcançar DRC estágio V. Der VCN sensorial está diminuída em 90% desatualizado a motor- em 40% dos casos3.

Distúrbios na funçao sexo sao complicaçoes compartilhado na insuficiência renal. Esses complicaçoes conter disfunçao erétil e diminuiçao da libido. Há ~ contribuiçao de medicamentos baixo usados para curar de hipertensao, que você pode ter gostar efeito colateral perturbação sexuais. As aproximadamente que acrescido comumente pegue à impotência sexo sao os tiazídicos, bloqueadores de canal de calcio e metildopa. Apelo terapêutica: emprego sildenafil pode ser administrado oralmente e estar muito eficaz em homens alcançar uremia, mesmo abranger doenças cardiovasculares.2

Valorizar queixas são de sono, apreciar e tratar der síndro me a partir de pernas inquietas. (Evid V Recom D)

Alteraçoes enquanto sono estao dons em até ~ 70% a partir de pacientes renais crônicos. É está bem estabelecido na literário o impacto negativo das desordens são de sono na qualidades de vida e capacidade funcional são de paciente. Entrada os incapacidade freqüentes temos der síndrome das pernas inquietas. Esta síndrome excluir uma desordem presente em 20 a 57% dos pacientes renais crônicos. O diagnosticar é fundamentalmente clínico e capaz feito pelo nefrologista5, abranger o atenção de se diferenciar de de outros doenças alcançar sintomas o mesmo, semelhante como aconteceu na neuropatia diabética. É caracterizada através dos uma sensaçao desconfortável nas pernas, geralmente no decorrer início são de sono, que causa uma vontade principalmente irresistível de desconhecido a coxa e melhorar alcançar o exercício voluntário. Em exames privado de sono como a polissonografia, 80% dos pacientes proprietário da síndrome das pernas inquietas apresentam movimentos periódicos a partir de pernas no o sono. Sua gênese na DRC isso pode ser a uremia, então como deficiência de ferro, sendo 1 último um co-fator de receptores dopaminérgicos relacionado na fisiopatologia da síndrome. O curar da anemia abranger eritropoetina normalizando ministérios hematócrito diminui os movimento periódicos de pernas, diminui a fragmentaçao a partir de sono e der sonolência diurna.6 Já existir estudos mostrando associaçao a partir de movimentos periódicos de pernas alcançar maior humanidade em renais crônicos dialíticos7. Abordado terapêutica: estimular exercícios física e corrigir naquela anemia(com reposiçao de ferro e usar de eritropoetina). Os seguintes medicamento podem ser utilizados: L-dopa 100-200mg ou agonista de receptor dopaminérgico (pramipexol), clonazepam e gabapentina 5,6,7.

REFERENCIAS

1. Burn DJ, Bates D: Neurology e the Kidney. J Neurol Neurosurg Psychiatry 65:810-821,1998;

2. Fraser C, Arieff A: Nervous system manifestations of rim failure, in Schrier RW, Gottschalk CW (ed): Diseases of a Kidney. Boston, MA, small Brown, 1993, pp2804-2809;

3. Di Paolo B, Cappelli P, Spisni C, Albertazzi A, Rossini PM, Marchionno L, Gambi D: novo electrophysiological assessments porque o the beforehand diagnosis that encephalopathy e peripheral neuropathy in chronic uraemia. Int J organization React 4:301-307,1982.

4. Nielsen VK: ns peripheral nerve duty in chronic renal failure. VI. Ns relationship between sensory e motor nerve conduction and kidney function, azotemia, age, sex, and clinical neuropathy. Acta Med Scand 194:455-462,1973.

Ver mais: Desenho De Quadra De Handebol Para Imprimir, Resultado De Imagem Para

5. Crignotta F, Mondini S, Santoro A, ferrari G, Gerardi R, Buzzi G. Integrity of der questionnaire screening restless legs syndrome in patients on chronic dialysis. Am J Kidney Dis, 40(2):302-6,2002

6. Benz RL, Pressman MR, Hovick ET, Peterson DD. A preliminary estude of ns effects of correction of anemia with recombinant human being erythropoietin treatment on sleep, sleep disorders, e daytime sleepiness in hemodialysis patients (The SLEEPO study). Am J Kidney Dis, 34(6):1089-95,1999

7. Robert L, Benz MD, note R, Presman. PhD, edward T, Hovick and Donald D. Potencial Novel Predictors of Mortality in End-Stage renal Disease Patients com Sleep Disorders.BAm J Kidney Dis, 35:1052-1060,2000